Carroça de Mamulengos

Mamulengo é Terno Divino

Um espetaculo inspirado em cenas tradicionais de palhaços, conhecidas e vivenciada pelo Carroça de Mamulengos nos seus 40 anos de trajetória.

O espetáculo foi elaborado a partir da forma mais tradicional desse folguedo e busca explorar todas as suas potencialidades através do resgate dessa linguagem. O mamulengo, como é chamado em Pernambuco, é um teatro de bonecos, na sua maioria de luva ou vara, de elaboração simples e que costuma retratar a sociedade com todos os seus conflitos. Essa arte está presente em vários estados, onde recebe outros nomes, tais como 'Babau' na Paraíba, 'João Redondo' no Rio Grande do Norte e 'Casimiro Coco' no Ceará.

Carlos Gomides, depois da rica convivência com o Mestre Antônio do Babau, dá vida a bonecos adquiridos das mãos de mestres como Antônio do Babau (PB), Mestre Sólon (PE) e Mestre Pedro Boca Rica (RN).

Tendo como personagens o Benedito, Joaninha, Cassimiro Coco, Cobra Catarina, Sargento Cabaça, Baltazar, Pescador, Boi, entre outros, geralmente acompanhado por músicos que, de fora da tolda, fazem o festejo sonoro, intercalando as cenas e dialogando com os bonecos.

Ficha técnica

Concepção, direção, cenário e figurinos: Carroça de Mamulengos
Bonequeiro: Carlos Gomide
Músicos: Maria Gomide, Antonio Gomide, Francisco Gomide